segunda-feira, 8 de junho de 2015

Yes, nós temos dramas!


e agora em versão atualizada

Em 1978, época em que o vendaval punk enxugava os excessos da indústria musical, uma das maiores bandas de rock progressivo passava por maus momentos. Depois de um aclamado trabalho em 1977, comemorando a volta da sua formação clássica, o Yes tentava adaptar sua sonoridade para os novos tempos, o que resultou no fraco Tormato (1978)

Reza a lenda que Rick Wakeman, indignado com a arte de capa do estúdio Hipgnosis, teria atirado um tomate na imagem, e alguém do departamento visual decidiu incorporar o “acidente” no registro oficial. Fato ou não, tal episódio soa praticamente como uma metáfora do que o disco significou.

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Sally Oldfield


Sally Oldfield é uma cantora e compositora, irmã do premiado artista Mike Oldfield. Seu som tem uma mistura de influências que vão do R&B ao progressivo. Além disso, há também elementos de folk e música celta, não só no instrumental, mas nas letras e temáticas que celebram o mundo sob uma ótica pagã. Sua obra afirma o universo feminino, pensando não só propriamente nas mulheres ou nas causas feministas, e sim numa perspectiva de compreensão da natureza a partir do feminino (a Mãe Terra Gaia, os ritos de fertilidade da terra, a natureza como sagrada, etc.)